Catherine Deneuve pede desculpas após carta polêmica
Cultura

Catherine Deneuve pede desculpas após carta polêmica

"Eu quero pedir desculpas às mulheres que sobreviveram à violência, e apenas na frente delas".
Reading time 2 minutes

A atriz francesa Catherine Deneuve pediu desculpas às vítimas de assédio e violência sexual que se sentiram ofendidas de algum modo pela carta aberta assinada por ela e publicada no jornal Le Monde.


A carta foi publicada logo depois da cerimônia do Golden Globe Awards, que aconteceu no dia 7 de janeiro, seguida por toda a discussão sobre violência sexual no ramo. No dia 9, 100 mulheres francesas (incluindo Deneuve) assinaram uma carta defendendo o direito de um homem "flertar com uma mulher", usando o argumento de liberdade sexual. 

 

Catherine, de 74 anos, foi imediatamente criticada por mulheres do movimento #MeToo e também do #Balancetonporc ("denuncie seu porco", em francês), que reúne mulheres ao redor do mundo para encorajá-las denunciar seus agressores. 

A atriz disse agora que não queria machucar ninguém que enfrentou (ou que ainda enfrenta) os horrores da violência e pediu perdão. "Quero pedir desculpas às mulheres que sobreviveram à violência, e apenas na sua frente", escreveu Deneuve. Ela admitiu ainda que, durante sua longa carreira, muitas vezes enfrentou "situações mais do que delicadas" e ouviu relatos de colegas sobre os diretores que "abusam vergonhosamente de seu poder".

 

Além disso, a atriz lembrou que na década de 70 ela mesma foi uma das principais ativistas do movimento que lutou pelo direito de mulheres realizarem um aborto na França. "É por isso que quero dizer aos conservadores, racistas e tradicionalistas que de repente decidiram me apoiar, que não sou hipócrita. Eles não receberão meus agradecimentos, nem minha amizade. Eu sou uma mulher emancipada e pretendo continuar com o mesmo espírito ", disse Catherine.

Bravo!
 

posts relacionados

posts recomendados