Cultura

Tudo sobre o documentário da realeza que a Rainha Elizabeth II vetou

Este documentário não é exibido desde 1969. Entenda:
Reading time 3 minutes

Muito antes do sucesso da produção do Netflix The Crown, a família real britânica já teve seu próprio documentário que mostrava sua intimidade nua e crua, sem atores. Uma produção que, assim que foi divulgada, foi vetada pela rainha. 

 

No fim dos anos 60, a Rainha Elizabeth II queria mostrar aos súditos que era uma pessoa comum como eles, já que a imagem da monarquia estava um pouco abalada. A equipe de relações públicas da realeza então teve a ideia de produzir um documentário chamado "Royal Family", seguindo Elizabeth, príncipe Charles, a princesa Margaret e todos os membros, incluindo o príncipe Phillip, por 18 meses. Isso incluiu os encontros da rainha com grandes líderes da época, como o presidente americano Richard Nixon, até refeições e momentos em que todos se reuniam na sala para ver TV. 

Antes de ir ao ar, a rainha assistiu o filme, achando um pouco longo por ter 2 horas mas depois aprovou a sua exibição. No dia 21 de junho de 1969 todos puderam ver ao vivo o documentário, que alcançou picos de audiência nos Estados Unidos e no Reino Unido. De acordo com o The Telegraph, 3/4 dos britânicos assistiram neste dia. 

 

Considerado um sucesso pela equipe de relações públicas, o documentário foi vetado imediatamente após sua exibição. A rainha ordenou que as fitas fossem retidas e guardou em um local que até hoje não foram vistas novamente. 

A razão para o cancelamento faz sentido: foi a primeira vez que a realeza foi vista como "gente como a gente", numa espécie de reality show antes desse conceito existir, e eles se sentiram desconfortáveis no papel de "celebridades". 


Robert Lacey, consultor da série The Crown, afirma que "eles perceberam que se continuassem a serem retratados deste modo, deixariam a magia da monarquia se perder". O biógrafo real Hugo Vickers supõe que "assim que começou a fixação do público para desvendar os segredos da realeza, e o interesse por tablóides que traziam notícias de Buckingham". 

 

Horas de gravações que nunca foram ao ar, além do próprio filme de 2 horas, ainda permanece escondido do público. 

Royal Family

posts relacionados

posts recomendados