NYFW: os highlights da Semana de Moda de Nova York
Fashion Week

NYFW: os highlights da Semana de Moda de Nova York

A Semana de Moda de Nova York terminou na noite de quarta-feira com o show de lingerie de Rihanna, depois de uma semana cheia de desfiles e eventos de moda. Aqui está tudo o que você precisa saber.
Reading time 5 minutes
Aniversários

As marcas de ready-to-wear adoram aproveitar a semana de moda para transformar seus aniversários em um evento de marketing. Nesta temporada, foi Ralph Lauren que comemorou o cinquentenário da sua marca no Central Park, com direito a estrelas como Hillary Clinton, Pierce Brosnan, Oprah Winfrey, Jessica Chastain e Kanye West.

A marca francesa Longchamp e a alemã Escada marcaram respectivamente 70 e 40 anos de existência e celebraram o marco desfilando pela primeira vez em Nova York, de olho no mercado americano.

Política

Desde que Donald Trump assumiu a presidência dos Estados Unidos em 2017, manifestações políticas têm sido comuns nas passarelas da NYFW. 

Esta semana, o designer Christian Siriano, queridinho de Hollywood, convocou seus convidados para votar na atriz Cynthia Nixon, candidata ao governo de Nova York. 

E a estilista da Zero +, Maria Cornejo, fez um pedido para as mulheres do seu show, querendo que elas "se fizessem ouvir".

Brooklyn

A maioria dos desfiles usualmente acontece em Manhattan, mas com o passar das temporadas, o Brooklyn está cada vez mais sendo o lar dos shows mais disputados: Pyer Moss e a dupla Eckhaus Latta, além de Rihanna, apostaram no bairro cool. 

Explosão de cores

Denim, couro, seda, cetim e um número impressionante de franjas estavam dentre os materiais mais usados nas passarelas, mas o que marcou mesmo foi a abundância de cores vivas que dominou as coleções da temporada. De Christian Siriano a Escada, passando por Michael Kors, Kate Spade, e a SavagexFenty de Rihanna.

Casting mais real

Se as cores foram diversas, o mesmo aconteceu com as modelos desta temporada. Cada vez mais marcas entenderam que suas consumidoras querem ver mulheres reais, de todas as origens, cores, gêneros e shapes. O prêmio para a passarela mais diversificada com certeza vai para Rihanna. 

 

Quanto aos designers de Sies Marjan e Vaquera, eles até rolaram membros de sua família.

Em meio a essa diversidade, o nome que surgiu com mais frequência foi o de Kaia Gerber, de 17 anos, filha de Cindy Crawford, que desfilou para Tom Ford, Longchamp, Coach, Michael Kors e Calvin Klein. Outra "filha de": aos 21 anos de idade, Lourdes Leon, filha de Madonna e Carlos Leon, desfilou pela primeira vez para a marca Gipsy Sport.

Cardi B x Nicki Minaj

Um dos assuntos mais falados nesta NYFW foi a briga entre as duas rappers em uma das várias festas que ocorrem durante a programação da fashion week na cidade. Em vídeos retweetados, Cardi B, de 25 anos, é vista molhando sua "rival" antes de jogar seu sapato nela e ser dominada por seguranças.

 

A autora dos sucessos "Bodak Yellow" e "I like it", que se tornou mãe de um pequeno Kulture em julho, explicou em uma mensagem cheia de palavrões no Instagram, que Nicki Minaj ousara falar mal dela como mãe. Cardi B saiu com uma pancada na testa. Nicki Minaj, que não foi ferida, teria renunciado a apresentar uma queixa.

Retorno à Nova York

A New York Fashion Week sofreu várias perdas nos últimos meses. Mas nesta temporada, alguns grandes nomes americanos que desfilavam em Paris, como Proenza Schouler e Rodarte, voltaram às origens.

 

A Marchesa, co-fundada pela esposa do produtor Harvey Weinstein, que não se atreveu a aparecer em fevereiro, fez um discreto retorno, recebendo os convidados em um evento privado.

posts relacionados

posts recomendados