Hommes

Justin Bieber admite que se beneficiou da cultura negra em sua carreira

O astro está empenhado em usar sua plataforma para combater o racismo.
Reading time 3 minutes

Justin Bieber se tornou um defensor do movimento Black Lives Matter após o assassinato de George Floyd por policiais americanos! O cantor foi ao Instagram para reconhecer o quanto de sua carreira foi formada pela cultura negra e como ele espera usar sua plataforma para combater a injustiça racial. “Eu sou inspirado pela cultura negra. Eu me beneficiei dessa cultura. Meu estilo, como canto, danço, me apresento e minha moda foram todos influenciados e inspirados pela cultura negra. Estou empenhado em usar minha plataforma para aprender, falar sobre questões raciais, injustiça, opressão sistêmica e para identificar maneiras de fazer parte da mudança tão necessária”.

Bieber, como muitas celebridades, dedicou suas plataformas de mídia social para espalhar informações relevantes sobre o movimento antiracista. Porém, é importante lembrar que um vídeo de 2014 de Justin aos 14 anos fazendo uma paródia ofensiva foi divulgado ano passado e na ocasião o cantor se manifestou sobre a questão afirmando: “Quando eu era jovem, não tinha educação e me vi dizendo coisas realmente dolorosas sem saber o poder das minhas palavras. O racismo ainda é muito prevalente e quero usar minha voz para lembrar que somos todos humanos. Agora que esses erros do passado se tornaram públicos, preciso me desculpar novamente por todos aqueles que ofendi. Levo minhas amizades com pessoas de todas as culturas muito a sério e peço desculpas por ofender ou machucar  alguém com meu erro infantil e indesculpável. ” 

Recentemente, Bieber e sua esposa trouxeram a ativista e comentarista política da CNN Angela Rye para discutir privilégios de brancos e alianças produtivas em uma de suas lives. O bate papo pode ser assistido no Facebook do astro.

Tags

justin-bieber
cantor

posts relacionados

posts recomendados