Moda

Um vestido, três #PuccixLOfficiel it-girls

Uma influencer, uma atriz jovem e promissora e uma artista vestem um modelo icônico de Emilio Pucci revisitado por Massimo Giorgetti, o diretor artístico da casa florentina.

Texto Elsa Ferreira
Fotografia Sarah Blais
Styling Jennifer Eymère
Vídeo Shôta Sakami

Direção Artística mal-Studio

Esta é a peça icónica de Pucci: um vestido de fluído, de referências pop e um hedonismo assumido. Por si só, reflete a dolce vita fantasiosa de luxo, um símbolo da casa florentina fundada em 1948 pelo Marquês Emilio Pucci. "Para mim, luxo é o tempo livre bem gasto em locais bonitos", diz Massimo Giorgetti, o diretor artístico marca. Luxo esse, agora oferecido a uma nova geração glamourosa, desprovida de nostalgia e firmemente ancorada no seu tempo. Meninas com bom gosto de moda e ensinamentos afiados de cultura, sempre à procura de locais frescos, elegantes e atemporais. Com este vestido estampado e reconhecível à primeira vista, Pucci ganhou um novo fã-clube que mistura um conforto chique ultra-feminino a um toque de aristocracia contemporânea. Para encarnar o espírito navy e superviajante da grife, convidamos três talentos que dizem em coro: Pucci per sempre!

Angelina Woreth

Para a geração de Millennials, as histórias de sucesso começam nas redes sociais. Aos 16 anos, a jovem parisiense é conhecida por ser parte de um grupo de amigos que vivem de procurar bons cliques para postar no Instagram. Mais trabalho, menos lazer, essas meninas lidam com os códigos da moda com gosto. Mas Angelina jura: tudo isso não foi premeditado e é bastante engraçado. Garota da capa da L'Officiel Paris de março, todo mundo está falando de Angelina e sua turma na imprensa. Mas Angelina mantém a cabeça fria. O seu sucesso para a menina ainda é meio uma comédia: "O dia em que eu tiver um papel de protagonista em um grande filme, aí sim será algo concreto."

Angelina Woreth

Mackenzie Foy

Aos 16 anos, Mackenzie Foy já tem uma carreira impressionante. Modelo desde criança, ela deu os seus primeiros passos na carreira quando tinha apenas 3 anos para Ralph Lauren. Treze anos mais tarde, ele se transforma e vai participar de um blockbusters de Hollywood contracenando com Keira Knightley, Morgan Freeman e Misty Copeland - bailarina na adaptação de O Quebra-Nozes pela Disney. Enquanto isso, a adolescente trabalhou horrores, em Interstellar, Crepúsculo,  e emprestando a sua voz para o filme O Pequeno Príncipe, tudo isso com passagens na TV como uma pro - quando, por exemplo, para demonstrar a sua faixa preta em taekwondo, fez uma chave de braço no apresentador Jimmy Fallon, do Tonight Show. Para nós, este é o segundo encontro com a garota, que fez sua primeira capa de revista na L'Officiel Enfant em fevereiro de 2013.

Mackenzie Foy

Carlotta Kohl

A artista do grupo fica confortável em ambos os lados da lente. Modelo por 15 anos, Carlotta Kohl também dedica-se à pintura com encáustica - uma técnica de cera com a qual ela cria tecidos moles em cores neon. "Usar as mãos para fazer fisicamente algo criativo é uma experiência muito diferente. É incrivelmente terapêutico e isso me ajuda muito ", diz ela. Para ela, a arte é "a minha forma de gerir como eu me vejo no mundo", mas também uma visão em constante mutação. Acima de tudo, esta é a imagem que fascina a jovem artista, que gostaria de fazer carreira na arte. Durante o editorial, a bela posa para a fotógrafa Sarah Blais, que "sabe como retratar uma bela mulher."

Carlotta Kohl
OF1011_099-1.jpg
OF1011_100.jpg
OF1011_101-1.jpg
OF1011_102.jpg
OF1011_103-1.jpg
OF1011_104.jpg
OF1011_105-1.jpg
OF1011_099-1.jpg
OF1011_100.jpg
OF1011_101-1.jpg
OF1011_102.jpg
OF1011_103-1.jpg
OF1011_104.jpg
OF1011_105-1.jpg

Coiffure Roger Cho.
Shelley composição da chama.
Cenografia Daisy Azis @ Estúdio Maud.
assistente foto Alice Fisher.
operador digital Guillaume Mercier.
assistente de estilo Alizee Henot.

posts relacionados

posts recomendados