Moda

Mugler aposta no sexy: "o espartilho é cool novamente", diz David Koma

O diretor-artístico da marca apostou na silhueta sexy e atualizada, mas com o DNA da tradicional grife em seu desfile na Semana de Moda de Paris. Modelagem ajustada, peças com recortes e cintura marcadíssima foram os destaques.
Reading time 1 minutes

Cada estação, a mulher Mugler parece mais "poderosa" e com mais certeza de seu estilo.

Desde da minha chegada na  Mugler, em 2014, a equipe se uniu por um projeto em comum: reinventar a mulher da maison. Este apoio me dá confiança de ir mais longe, lançando novos desafios. A silhueta que você vê hoje não é apenas uma coisa de temporada. É um resultado do trabalho em equipe.

Houve um ponto de partida para esta coleção?

Brigitte Bardot e Claudia Cardinale em "O Pétroleuses", um faroeste de 1971.

Você colocou o seu estilo próprio, mas os 1970-1980 anos, a idade de ouro de Thierry Mugler, ainda estão lá.

Eu fiz um monte de pesquisas sobre o espartilho nos arquivos da marca. Eu queria aproveitar o verão para reintroduzir este código "extremo" do DNA de Mugler no universo do ready-to-wear. Para o espartilho ser cool de novo, a ideia foi colocar a peça de um jeito fresh, como se mulheres em férias usassem a peça.

Como você define o Verão de 2018 da maison em três palavras?

Força, feminilidade e poesia.

/

posts relacionados

posts recomendados