Pop culture

Meryl Streep: muita história, bons momentos e inspiração

Uma das mais consagradas e renomadas atrizes do cinema internacional completa 70 anos e esta é a nossa homenagem.
Reading time 4 minutes
Foto: Getty Images.

Meryl Streep, nome artístico de Mary Louise Streep, nasceu em Summit, New Jersey, Estados Unidos, no dia 22 de junho de 1949. Sendo assim, a diva completa 70 anos neste sábado e não poderíamos deixar de fazer a nossa homenagem a uma das mulheres mais relevantes do cinema atualmente. 

A atriz norte-americana é consagrada como uma das mais talentosas e premiadas da história de Hollywood, já tendo concorrido vinte vezes ao Oscar. De todas estas, levou a estatueta para casa três vezes, com os filmes Kramer vc. Kramer, A Escolha de Sofia e A Dama de Ferro.

Filha de Harry William Streep, executivo da indústria farmacêutica, e de Mary Wolf, comerciante de artes e editora de uma publicação especializada, ela cresceu em Bernardsville em New Jersey e estudou na Bernards High School. Já na faculdade, graduou-se em teatro em 1971 pela Vassar College. Em seguida, fez seu mestrado em Artes Dramáticas na renomada Universidade de Yale.

 

1561152722322457 merylcapa
Foto: Reprodução cena do filme “O Diabo Veste Prada”.
1561152729114802 meryl9
Foto: reprodução de cena do filme “Mamma Mia”.

Foi na década de 70, quando viveu em Nova Iorque, que ela fez a sua estreia profissional na peça “Trelawny of The Wells”. Depois dela, ainda na cidade, ela atuou em diversas peças teatrais. Já em 1977 estreou na famosa Broadway com o musical “Happy End”.

Sua estreia no cinema, por sua vez, se deu com o filme “Julia”, lançado em 1978. Nesse mesmo ano, estreou na minissérie “Holocausto”, responsável por levá-la a receber o Prêmio Emmy de Melhor Atriz. 

Ainda neste ano, Meryl Streep atuou em “The Deer Hunter” ("O Franco Atirador"), e interpretou assim a sua primeira personagem de destaque que rendeu-lhe a indicação ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. Logo depois atuou em “Kramer vc. Kramer” (1979) que, desta vez, rendeu-lhe o Oscar pela mesma categoria. Em seguida, em 1983, recebeu o Oscar de Melhor Atriz com o filme “A Escolha de Sofia” (1982).

E estes são apenas os primeiros capítulos da vida e carreira da diva. Depois deste início, Meryl continuou fazendo o maior sucesso interpretando os mais diferentes personagens. Entre os papeis de maior destaque e os filmes de maior sucesso estão “Entre Dois Amores” (1985), “A Difícil Arte de Amar” (1986), “Ironweed” (1987) e “Um Grito na Escuridão” (1988). 

Depois que sua segunda filha com o escultor Dom Gummer nasceu, a atriz passou a buscar projetos menores e por algum tempo só se envolveu em papeis de menor proporção. Mas em 1995 voltou com toda a força às telas ao atuar no famoso  “As Pontes de Madison”. Ao lado de Clint Eastwood, Meryl teve ali um dos papeis mais marcantes de sua carreira. Daí em diante, diversos foram os trabalhos que lhe renderam críticas excepcionais. 

Com a interpretação no memorável “O Diabo Veste Prada” (2006), a atriz se tornou um verdadeiro ícone e entrou para a lista das campeãs de bilheteria. Em 2010, com “Julie & Julia”, ela concorreu pela 16ª vez ao Oscar. Já em 2011, com a atuação na cinebiografia de Margaret Thatcher chamada de “A Dama de Ferro”, Meryl Streep recebeu o Globo de Ouro, um BAFTA e a terceira estatueta do Oscar de Melhor Atriz. 

Com todo este histórico, ela é uma das atrizes mais premiada de todos os tempos. Em números, fala-se de 29 indicações ao Globo de Ouro com 8 vencidos; 20 indicações ao Oscar tendo vencido três; Já recebeu o Prêmio de Melhor Atriz no Festival de Cannes, além de diversos outros prêmios. 

Em seu mais recente trabalho em “Florence – Quem é Essa Mulher?” lançada em 2016, ela participa de uma comédia dramática que foi indicado ao Prêmio Globo de Ouro de Melhor Filme de Comédia. 

1561152735130339 meryl5
Foto: Getty Images.
1561152737682626 meryl10
Foto: Reprodução cena do filme “O Diabo Veste Prada”.
1561152752762076 meryl2
Foto: Reprodução cena da série “Big Little Lies”.
1561152798369711 meryl6
Foto: Reprodução cena do filme “O Diabo Veste Prada”.

posts relacionados

posts recomendados