Pop culture

Rainha Elizabeth II tem plano secreto de evacuação caso o Brexit gere protestos violentos

É importante ter uma carta na manga
Reading time 3 minutes
Foto: reprodução/instagram

Com as negociações do Brexit em andamento, e a data de saída do Reino Unido da União Europeia sendo adiada repetidamente, as coisas podem ficar bastante tensas em Londres. É por isso que, com tanta incerteza sobre o que realmente acontecerá após o Brexit, planos de contingência estão sendo implementados para cuidar da Família Real, caso algo dê errado.

Em meio a preocupações de haver tumultos civis e protestos em Londres no caso de um Brexit sem acordo, existem "planos secretos" em andamento para evacuar de emergência a rainha Elizabeth II e os principais membros da família real.

 

 

Uma fonte do Gabinete revelou que "Esses planos de evacuação de emergência existem desde a Guerra Fria, mas agora foram reaproveitados em caso de desordem civil após um Brexit sem acordo".

O plano de evacuação reaproveitado de um antigo chamado "Operação Candid", que evacuaria a rainha no iate real Britannia se houvesse um ataque da União Soviética. No entanto, o iate não está mais em uso.  Segundo o plano atual, a rainha e o príncipe Phillip "seriam transferidos de Londres para um local secreto" no caso de multidões violentas aparecerem. 

Uma fonte sênior de Whitehall disse à publicação: "Seria irresponsável se não considerássemos todas as eventualidades no caso de um Brexit sem acordo - não importa o quão improvável - e, é claro, isso incluiria a segurança da família real. "

No entanto, uma fonte do governo acrescentou: "A decisão de evacuar os membros da família Real se baseia em comprometer ou não a segurança deles. Mas, no momento, não temos preocupação com a segurança deles".

 

 

Tags

posts relacionados

posts recomendados