Arte

Feira de Arte Contemporânea Africana instala-se em Marrakech

Fundada em 2013 por Touria Glaoui, a feira 1-54 de Arte Contemporânea Africana acontece em Marrakech este ano. Esta nova edição demonstra o olho afiado de seu criador e o potencial de um continente cujos artistas têm sido muitas vezes ignorados no mundo da arte. Um belo conjunto com a abertura, em fevereiro, o Museu de Arte Contemporânea Africano Al Maaden.
Reading time 1 minutes

A partir do dia 25 de fevereiro, a feira inaugura sua primeira edição em Marrakech em uma área emblemática da cidade: o hotel La Mamounia.

A 1/54 Feira de Arte Contemporânea Africana reúne 17 grandes galerias da África e de todo o mundo, e mais de 60 artistas internacionais. Entre eles, Namsa Leuba, representada pela Galeria de Arte Twenty One (Lagos, Nigéria). Além disso, um programa de conferências e eventos organizados em parceria com instituições locais.

 

"Sediar uma edição no continente Africano é um objetivo da 1:54 e não há lugar melhor do que o Marrocos poara sediar este primeiro evento fora de Londres e Nova York. Marrocos tem uma das cenas de arte mais vibrantes do continente e saúda em particular a Marrakech Biennale, um evento de alta qualidade que incentivou a nossa decisão para resolver nesta cidade ", disse Touria Glaoui.

 

 

1-54 Feira de Arte Contemporânea Africana
24 e 25 de Fevereiro, o Palácio Mamounia
Avenue Bab Jdid, 40040 Marraquexe, Marrocos,
1-54.com , www.mamounia.com/fr

 

posts relacionados

posts recomendados