Cultura

Ícone da Nouvelle Vague, Agnès Varda morre aos 90 anos

Agnès foi uma voz importante do cinema moderno
Reading time 1 minutes
Foto: Reprodução/Instagram

Agnès Varda morreu nesta sexta-feira (29.03), vítima de câncer de mama, em sua casa em Paris. Aos 90 anos, Agnès foi uma voz importante do cinema moderno francês.

Sua carreira precede o início da Nouvelle Vague e seu filme "La Pointe Courte", rodado quando tinha  25 anos, e não possuía experiência alguma por trás das câmeras, apresenta elementos como o radicalismo narrativo e visual que, posteriormente, tornariam o movimento francês relevante.

Miu Miu

Suas fotografias, filmes e instalações abordam questões referentes à realidade no documentário, ao feminismo e ao comentário social. Tais temas eram comumente tratados através de um estilo que flerta com a experimentação. Em 2017, ela se tornou a primeira diretora, mulher, a receber um Oscar pelo Conjunto da Obra. Ela também flertou com a moda contemporânea, dirigindo fashion films para a Miu Miu.

Como forma de homenagem, fizemos uma seleção de seus maiores trabalhos. Descubra abaixo:

La Pointe Courte (1955)

1553865778770576 la pointe courte 1024x576
Foto: Reprodução

Uma Canta, a Outra Não (1977)

1553865788174988 lune chante 03
Foto: Reprodução

Sem Teto, Nem Lei (1985)

1553865803482893 sem teto 19
Foto: Reprodução

As Praias de Agnès (2008)

1553865812144819 les plages d agnes agnes varda
Foto: Reprodução

Visages, villages (2017)

1553865823253956 visagesvillages
Foto: Reprodução

posts relacionados

posts recomendados