Hommes

Como melhorar o mal causado pelo uso excessivo de eletrônicos?

As consequências negativas do uso excessivo de equipamentos eletrônicos ultrapassam a sabotagem do horário do sono.
Reading time 2 minutes

O uso cada vez mais constante da tecnologia no cotidiano já não pode ser chamado apenas de tendência: faz parte da realidade e a consequência é uma exposição massiva às telas de celulares, tablets e computadores.

Infelizmente, as consequências negativas ultrapassam a sabotagem do horário do sono. Além da necessidade de nos habituar a desligar todas as telas ao menos uma hora antes de dormir, para que nosso sono não seja afetado, são também importantes alguns cuidados para evitar o desconforto visual provocado pelo contato contínuo com as telas digitais.

1607624584595201 david monje sdeodksvywe unsplash1607624677308693 chris spiegl o032zyi93gy unsplash
1607624815301913 alessandro vallainc uuv4g17ia5e unsplash1607624888304964 ian robinson ysjkvnmh q4 unsplash
Fotos: Unsplash

O constante movimento ocular enquanto se acompanha a tela, bem como brilhos e contrastes agressivos aos olhos, fazem com que muitos sintam uma sensação de irritação nos olhos ao final do dia. Além disso, a concentração nas telas diminui a frequência de nossas piscadas, o que também contribui para que as córneas fiquem secas e irritadas. Tudo isso contribui para a fadiga ocular digital, também conhecida como síndrome da visão computacional (CVS).

1607625143153875 alex kotliarskyi ourqhrte2im unsplash1607625158232848 rodion kutsaev 0vgg7cqtwco unsplash 1
Fotos: Unsplash

A boa notícia é que pequenos hábitos podem diminuir esse desconforto: o uso de colírios, o distanciamento adequado da tela (aproximadamente 25 polegadas) e olhar, a cada 20 minutos, para objetos a 20 pés de distância, por 20 segundos, auxiliam o relaxamento e a lubrificação dos olhos. Para os mais preocupados e dispostos a investir na tecnologia do conforto, os óculos de bloqueio de luz azul podem contribuir para o bem-estar, embora ainda seja preciso fazer mais pesquisas sobre sua eficácia. A revisão dos hábitos, no entanto, ainda é a medida mais promissora para a saúde. 

 

1607625761560548 rami al zayat w33 zg dnl4 unsplash1607625992165624 thisisengineering raeng 0l2ppgrhxx4 unsplash
Fotos: Unsplash

Tags

tecnologia
olhos
saude

posts relacionados

posts recomendados