Hommes

Ed Sheeran mantém salários de funcionários do seu restaurante fechado

A atitude incrível do astro foi aclamada pelos fãs
Reading time 2 minutes

O cantor Ed Sheeran está super consciente com a crise mundial e está fazendo o possível para continuar mantendo o emprego de toda sua equipe. Ed, que foi considerado em 2019 a celebridade britânica mais rica com menos de 30 anos, não aceitou a ajuda do governo britânico para pagar uma licença remunerada aos seus funcionários e continuou efetuando o pagamento com suas próprias reservas. O cantor é dono do Bertie Blossoms, um bar e restaurante em Notting Hill.

Seu estabelecimento, assim como milhares de outros, foi obrigado a encerrar suas atividades por medida de segurança para evitar a propagação do coronavírus. Dessa forma, garçons, barmen, chefs e assistentes de cozinha, ficaram sem poder trabalhar.

Uma medida do Reino Unido dá como opção aos empresários dispensar os funcionários, pagar apenas 20% do salário e ter os outros 80% completados pelo governo. Porém, Ed Sheeran não aceitou e um de seus assessores afirmou: "O negócio, de propriedade de Ed Sheeran e Stuart Camp, não está, e não estará, entrando em qualquer esquema do governo de qualquer tipo, incluindo concessão de licenças, subsídios, empréstimos e assim por diante"

A atitude incrível do astro foi aclamada pelos fãs e aconteceu no mesmo momento em que Victoria Beckham decidiu demitir toda a equipe da sua marca de moda, a ex spice e esposa David Beckham possui um patrimônio de R$ 2,3 bilhões.

Tags

music
coronavirus

posts relacionados

posts recomendados