Moda

Série sobre assassinato de Versace estreia no país com figurinos vintage

“American Crime Story: O Assassinato de Gianni Versace” tem Penélope Cruz como Donatella Versace interpretando um dos crimes mais polêmicos do mundo da moda.
Reading time 2 minutes

Embora a família Versace tenha depreciado a nova iteração de Ryan Murphy de sua série "American Crime Story: O Assassinato de Gianni Versace" como ficção, isso não significa que alguns aspectos não sejam reais - por exemplo, as roupas.

A Maison Versace não trabalhou com a equipe do projeto, então, o figurinista Lou Eyrich fez questão de recriar as peças originais da marca lançadas nos anos 90. "Eu tinha o maior respeito e dedicação para garantir que mostramos tudo de original Versace na melhor luz", disse Eyrich.

No entanto, como o show salta para frente e para trás no tempo, poderemos ver coleções de vários anos. "Tivemos uma cena no início da década de 1990, que deveria mostrar a audácia e o sex appeal da marca. Estudamos as imagens da famosa coleção Miss S & M [Fall '92] e ficamos babando sobre todo o couro, franjas e detalhes", diz outro designer, Allyson Leach, divulgado ao Fashionista. Isso significa que os espectadores não verão apenas a progressão da marca - poderemos admirar e babar em roupas que nem lembramos, ou nunca antes vistas.

A maioria das peças foram obtidas online ou em boutiques vintage, particularmente aquelas para Penélope Cruz como Donnatella Versace – os originais estão com a própria estilista. No entanto, para alguns olhares mais icônicos, a equipe de design foi forçada a recriar as peças de forma simples, já que não havia cooperação da própria Versace. Parte do que podemos esperar? Uma recriação feita a mão, da última prova de alta costura de Gianni Versace em 1997. Prepare-se.

A série estreia hoje, quinta-feira (18), pelo canal FX, às 23h.

Tags

posts relacionados

posts recomendados