Pop culture

Emily Ratajkowski faz tatuagem em protesto contra Harvey Weinstein

A modelo cruzou o tapete vermelho exibindo frase contra o polêmico magnata do cinema
Reading time 2 minutes
(Foto: Getty Images)

Emily Ratajkowski está indignada e usou o tapete vermelho para fazer um claro protesto. Em vez de posar para as câmeras com suas já clássicas posições e looks sexy, a top e ativista quis usar o momento para enviar uma mensagem mais forte em solidariedade às mulheres do movimento Me Too.

 

Para a estreia de "Uncut Gems", Emily cruzou o red carpet ao lado do marido, Sebastian Bear-McClard, revelando uma tatuagem temporária no braço esquerdo que dizia "fuck harvey". 
 

1576166560967974 gettyimages 1188074849
(Foto: Getty Images)

O protesto de Ratajkowski veio horas depois que o New York Times revelou que o ex-magnata do cinema Harvey Weinstein chegou a um acordo provisório de US$ 25 milhões com mais de 30 mulheres que o acusaram de má conduta sexual e agressão. Weinstein segue negando todas as alegações de sexo não consensual.

 

De acordo com os repórteres Jodi Kantor e Megan Twohey - que deram a notícia do que agora é amplamente conhecido como o 'escândalo de Harvey Weinstein', o acordo 'acabaria com quase todos os processos contra ele [Weinstein] e sua antiga empresa".

 

A ação de Emily aconteceu no mesmo dia em que Weinstein apareceu em um tribunal de Nova York para uma audiência de fiança. Ele deve ser julgado em janeiro sob a acusação de agressão sexual.

 

 

 

 

posts relacionados

posts recomendados