Viagem

Sweet Escape

No auge de um renascimento gastronômico e hoteleiro, Cambury é opção ideal para uma escapada no fim de semana.
Reading time 4 minutes

Embora 12 de junho seja a data oficial do Dia dos Namorados no Brasil, a celebração veranil, em 14 de fevereiro, tem ganhado cada vez mais adeptos em terras tupiniquins. Enquanto a primeira remete ao Dia de Santo Antônio, a segunda, mais comum em países do hemisfério norte, remonta à morte do mártir São Valentim – condenado por lutar contra as ordens do então imperador romano, que proibiu o casamento durante as guerras por acreditar que os solteiros eram melhores combatentes.

Para os paulistas amantes do verão e partidários a festejar o amor (e por que não, certo?), uma boa opção de fuga para aproveitar um fim de semana romântico é Cambury, no litoral norte, distante em apenas 2h30 de carro da capital. Além das qualidades naturais – as praias paradisíacas cercadas de Mata Atlântica têm areia fofa e mar propício para surf o ano todo –, o local vem passando por um sedutor renascimento turístico. Aconchegantes como pousadas, mas com serviço de resort 5 estrelas, os melhores hotéis de Cambury realçam a gastronomia local e um estilo de vida zen-chic, além de ter a sustentabilidade como filosofia norteadora.

Um dos mais sofisticados – e o único com pé na areia e full ocean views –, o Hotel Boutique Nau Royal fica na apropriada Praia dos Amores. Com apenas 13 suítes, algumas com ofurô na varanda, o hotel dispõe também de um jardim de 900 m² de espécies nativas, que termina com um deck em frente ao mar, e um Spa L’Occitane em Provence. Além disso, foi reconhecido diversas vezes como Hotel Sustentável do Ano pelo Guia 4 Rodas.

Prenunciando o excelente serviço, antes do check-in, os hóspedes recebem um questionário virtual em que respondem sobre restrições alimentares e preferências em travesseiro e fragrância de amenidades de banho. Uma vez lá, é recebido por funcionários bem-preparados e simpáticos, uma vista de tirar o fôlego e o melhor café da manhã da região – o croque monsieur é indispensável. É de sua cozinha, também, que sai a apetitosa casquinha de siri, premiada como a melhor do litoral norte, criação da chef Marleide Ribeiro, a “Nega”.

 

Para comemorar datas especiais, o hotel oferece o pacote “Celebrar”, que inclui, entre outros mimos, terapias de spa para o casal, passeio de lancha e um jantar romântico com menu especial da chef e uma garrafa de champagne Perrier-Jouët Belle Epoque Blanc de Blancs 2004.

Outro hotel que merece destaque, o Villa Bebek acaba de ser reaberto após passar por uma extensa reforma. Seu grande destaque, no entanto, ficou intacto: a sinuosa piscina em forma de rio, que serpenteia por quase toda a propriedade, cercada por um jardim impecável, repleto de de palmeiras, bambus, helicôneas e bromélias – mais de 70% da área total do hotel é composta por mata nativa. 

Sua estrutura, criada para não interferir no ecossistema, conta com suítes construídas sob palafitas, todas com varanda. Há, ainda, uma área de lazer com saunas, salas de banho com ofurô e hidromassagem e piscina coberta climatizada, completa com aparelhos de hidrobike.

Com foco na cozinha brasileira caiçara, priorizando ingredientes e fornecedores locais, o restaurante é uma das boas surpresas do hotel, em nada deixando a desejar para as estrelas de alta gastronomia da região – entre eles, os premiados Acqua, Organ e Manacá. Comandado pelo chef Kiko Fernandes, tem como destaque os pratos com frutos do mar, desde a patinha de caranguejo com crocância perfeita, passando pelos impecáveis tratares de peixe fresco, até os saborosos risottos, feitos com um azeite de ervas especial do chef. Vale a viagem!

/

posts relacionados

posts recomendados