Cultura

Além da cor amarela: os verdadeiros rituais para atrair dinheiro em 2020 estão aqui

Em início de ano novo, sugestões sobre como lidar com as finanças nunca são demais
Reading time 5 minutes
Foto: Reprodução Instagram @kyliejenner

Entra ano sai ano, diversos são os rituais praticados por quem quer mais abundância e prosperidade no novo ano que se inicia. Há quem acenda vela para seus santinhos; quem use diversos amuletos; quem coma as famosas lentilhas ou sementes de romã; quem pule as sete ondas no mar e, claro, os supersticiosos das cores que decidem por passar a virada com calcinha amarela e/ou uma roupa dourada para atrair a energia do dinheiro.

É claro que com boa intenção, tudo isso funciona! Só de mentalizarmos que queremos mais prosperidade, o universo já entende o recado. Mas a verdade é que quando o assunto é as finanças, não tem simpatia que resolva falta de carinho e atenção reais com o saldo bancário.

Pensando nisso, separamos aqui alguns rituais e dicas práticos e bacanas para quem quer mesmo uma vida mais abundante (em termos financeiros) em 2020. Além delas, para os interessados no tema, vale procurar pelo livro “Me Poupe” da Nathalia Arcuri, criadora do maior canal de finanças do youtube.

1. Comece fazendo um verdadeiro raio X de seus gastos

Com os apps e sites dos bancos cada vez mais avançados e tecnológicos, não tem desculpas para não perder um pouco de tempo baixando os extratos dos últimos meses. O período de três meses já é o suficiente, mas se quiser analisar ainda melhor, opte pelos últimos seis.

Depois disso, separe os gastos em três catergorias: essenciais; supérfulos; reserva financeira. Aqui vale destacar que, idealmente, o que é essencial deve corresponder a 50% da renda, 30% fica para os supérfulos e 20% deve ser dinheiro guardado.
 

2. Defina objetivos claros do que quer em relação a seu dinheiro

A forma mais “fácil” de conseguir ser determinado ao guardar dinheiro e abrir mão de coisas no presente é tendo em mente um objetivo claro ou algum sonho para o seu ano. As suas metas vão permitir mais coerência e organização do seu dinheiro. Sem um “rumo” ou objetivo final, fica mais fácil gastar mais à toa. Liste o que quer de verdade e persista para atingir o que deseja.

3. Repense o seu cartão de crédito

A verdade é que o cartão de crédito nos estimula a achar que podemos gastar mais. Andar com ele na carteira acaba por nos dar essa “ilusão”. Para quem é extremamente organizado e se garante, tudo bem, usar o cartão hoje em dia tem suas vantagens como a acumulação de pontuações em bônus, por exemplo. Mas, para quem vive se enrolando na hora de pagar a fatura, é melhor deixá-lo em casa guardado e apostar no cartão de débito, já que assim tem total controle do que entra e sai de sua conta instantaneamente.

4. Adote o hábito de verificar o extrato de sua conta diáriamente

A adoção deste hábito simples causa duas primeiras mudanças importantes: mais intimidade e consciência financeiras. Saber como está a situação de sua conta te da mais responsabilidade nas decisões e diminui os erros.

5. Pense com carinho em abrir uma conta própria de investimentos

Um ponto chave da questão de “ficar mais rico” está em entender que isso só acontece com o dinheiro que conseguimos guardar e multiplicar. A fora mais fácil de fazê-lo é a partir de investimentos. Portanto, neste inicio de ano aproveite para abrir uma conta em uma corretora que sua família e amigos confiem e indiquem. Os assessores de investimentos te ajudarão a organizar sua carteira e entender melhor sobre o assunto.

Comece seu 2020 com o pé direito!

posts relacionados

posts recomendados