Emma Stone confessa que sofre de ansiedade e ataques do pânico
Wellness

Emma Stone confessa que sofre de ansiedade e ataques do pânico

A atriz americana Emma Stone dividiu sua própria história de superação de ansiedade e ataques do pânico. Assista na íntegra:
Reading time 2 minutes

Estamos caminhando para um futuro mais respeitoso e aberto às doenças psicológicas. Para aumentar a visibilidade e diálogo sobre saúde mental, a atriz americana Emma Stone dividiu sua própria história de superação.

Em entrevista ao psiquiatra Dr. Harold Koplewicz, do Child Mind Institute, Stone confessou que muito provavelmente estaria morta se não tivesse insistido na carreira de atriz.

"Quando eu era criança, já aconteceu de estar na casa de um amigo e – do nada – ficar convencida que a casa estava pegando fogo. Estava apenas sentada na cama e a casa não estava em chamas, mas eu estava convencida que todo íamos morrer", disse a atriz.

A ansiedade e os ataques do pânico começaram a causar isolamento na jovem Emma, então ela não queria ir à escola ou visitar amigos. Logo que os pais começaram a perceber que havia algo estranho, eles a colocaram na terapia.

Nessa época, a atriz não sabia que tinha um distúrbio porque sua mãe não lhe contou. "Eles deram um nome para o que eu estava vivendo mas ninguém nunca me contou. Não sabia que tinha ansiedade e ataque do pânico. Fico feliz por isso, não havia muitas pessoas para me espelhar na época. Deseja me tornar atriz e nenhum ator falava sobre isso".

Atuação foi a grande saída para Stone. "Provavelmente estaria morta se não tivesse me mudado para LA. Atores costumam tentar entender como as pessoas funcionam ou como elas se sentem para a construção de personagens", completa.  

 

sss

Fotos: Getty Images

posts relacionados

posts recomendados