Hommes

Até ter visto permanente nos EUA, Harry será bancado por Meghan

Após o afastamento da Família Real, o príncipe não irá receber mais nenhum centavo do Fundo Soberano da rainha.
Reading time 3 minutes

O príncipe Harry possivelmente irá precisar ser “financiado” pela sua esposa, a atriz e duquesa Meghan Markle, até que o membro da realeza adquira o green card e tenha permissão para trabalhar em território americano, é o que afirma um renomado advogado especialista em imigração.   

O neto da rainha, 35 anos, poderia trabalhar enquanto morava no Canadá nos últimos meses, como parte de um acordo entre Nações, mas as regras são completamente diferentes nos Estados Unidos, para onde o casal está se mudando.  

Durante a espera seu visto de cidadão americano, o príncipe tem 3 opções para conseguir recursos: solicitar uma autorização especial do governo, ser patrocinado por uma instituição americana ou ser financiado por um morador local nascido nos Estados Unidos, opção que deve ser a escolhido pelo casal já que a Duquesa nasceu no país.  

Após se afastar como membro sênior da Família Real Britânica, por vontade própria, o príncipe Harry não irá receber mais nenhum centavo do Fundo Soberano da rainha, que financia membros da monarquia que representam a Coroa. Porém, ficou decidido na negociação dos detalhes que Harry irá receber uma generosa mesada de Charles.

O futuro profissional de Meghan e Harry ainda é incerto e nebuloso. A expectativa é que a duquesa retome por completo suas atividades como atriz e que ambos se associem a marcas e realizem funções na mesma linha do casal Obama.

Tags

royals
familia-real
tv
art

posts relacionados

posts recomendados