Hommes

Príncipe Charles afirma estar curado do coronavírus

“Depois de ter contraído o coronavírus eu me vejo, enfim, do outro lado da doença''
Reading time 4 minutes

O futuro herdeiro do trono britânico fez um pronunciamento comentando sobre seu diagnóstico de coronavírus. Com aparência saudável e de terno e gravata, o príncipe gravou um vídeo, postado em suas redes sociais oficiais, diretamente de Birkhall, seu palácio na Escócia.

Charles, 71 anos, destacou a importância do sistema público de saúde do Reino Unido, agradeceu todos os corajosos profissionais de saúde que estão presentes na linha de frente e afirmou que está curado do vírus e em bom estado de saúde.

“Depois de ter contraído o coronavírus – para a minha sorte, com sintomas relativamente leves – eu me vejo, enfim, do outro lado da doença. Ainda assim, mantenho os mesmo padrões de distanciamento social e isolamento da população geral. Como temos notado, esse é um momento estranho, frustrante e que causa estresse quando a presença dos nossos familiares e amigos não é mais permitida e as instituições básicas da nossa vida são removidas”, declarou o príncipe. 

O membro da família real também aproveitou o pronunciamento para se solidarizar com as famílias que perderam entes queridos e como patrono dos idosos ingleses lembrou com carinho dos mais velhos que estão solitários em isolamento.

“Meu coração e o de minha esposa estão com a população de idade desse país, que têm enfrentado dificuldades. Apesar disso, sabemos que há vizinhos maravilhosos e voluntários que estão ofertando cuidados àqueles em situação de maior risco. Essa assistência é um apoio vital aos profissionais que seguem atuando sob uma imensa pressão.”

 

“São tempos em que médicos, enfermeiros e toda a equipe do sistema de saúde estão sofrendo uma tensão crescente e riscos diários. Enquanto eles travam uma batalha heroica para salvar vidas em UTIs e para conter, na medida do possível, o avanço do vírus, nossos pensamentos e orações estão com essas pessoas extraordinárias cujas habilidades, devoção e o cuidado com os pacientes nos deixam orgulhosos”

O filho da rainha Elizabeth II, apesar de apresentar sintomas leves da doença, permanece em isolamento. O Reino Unido já tem mais de 30 mil pessoas infectadas com o vírus e 2500 mortes. 

Tags

posts relacionados

posts recomendados