Moda

O desfile emocionante da Valentino na alta-costura

por Natália Guadagnucci
05.07.2017
Pierpaolo Piccioli, diretor criativo da marca, olhou para os trajes do clero para criar a coleção de Fall '17.

A beleza da simplicidade e a atenção ao detalhe, dois elementos às vezes esquecidos em meio à opulência da alta-costura, foram hoje resgatados no desfile da Valentino. O diretor criativo Pierpaolo Piccioli olhou para o trabalho de Francisco de Zurbarán, pintor do Barroco espanhol que costumava retratar figuras do clero. Não à toa, uma série de silhuetas semelhantes às de padres, bispos e papas aparecem na passarela, além da estampa de mosaicos típicos das igrejas. Em uma parceria com a joalheira Harumi Klossowska de Rola, a marca criou mini-bolsas com no formato de cabeças de animais, representando outro tema bíblico: os sete pecados capitais. 

Desta vez, o estilista desenvolveu bordados e brocados muito pontuais, que apareciam apenas quando se olhava de perto para as peças em movimento. Em meio a vestidos de festa fluidos belíssimos, o ponto alto da coleção foram mesmo as roupas pensadas para o dia. Sobreposições inusitadas (pense em gola alta por baixo de túnicas ou calças usadas com capas) e cheias de cor trouxeram um bem-vindo frescor à semana de moda, elevando o conforto ao status de luxo máximo. São peças para uma mulher real, mas que ainda sonha.

_VAL0044.jpg
_VAL0096.jpg
_VAL0118.jpg
_VAL0152.jpg
_VAL0230.jpg
_VAL0540.jpg
_VAL0682.jpg
_VAL0728.jpg
_VAL0776.jpg
_VAL0806.jpg
_VAL0866.jpg
_VAL1100.jpg
_VAL1208.jpg
_ARC0115.jpg
_ARC0492.jpg
_ARC0515.jpg
_ARC0560.jpg
_ARC0789.jpg

compartilhar

posts relacionados

posts recomendados