Wellness

Conheça os 5 tipos de queijo mais saudáveis

Não há necessidade de temer o queijo, ele deve estar na sua alimentação
Reading time 5 minutes
Foto: reprodução

O mundo se dividiu em dois times: enquanto alguns defendem que devemos ficar longe do leite e produtos lácteos para uma vida mais saudável, outros afirmam que os queijos verdadeiros e reais (ou seja, os que não são extremamente industrializados) têm muitos benefícios à saúde. Mas o que é queijo verdadeiro? Neste ponto muitos de nós cometemos erros ao escolher nas prateleiras do supermercado.  

Podemos explicar da seguinte maneira: como todos sabemos, o queijo é uma fonte de alimento formada por leite. Portanto, é uma forte fonte de proteínas, aminoácidos e cálcio que beneficiará nossa dieta diária. No entanto, depois de ferver o leite para obter um pouco de queijo, os produtores carregam os produtos com vários óleos, corantes e açúcar. Para entender o queijo de verdade, é necessário ver como é feito e quanto tempo tem. Por exemplo, queijo envelhecido contém menos lactose. O queijo feito com leite integral tem uma maior proporção de gordura ômega-3

Além disso, a quantidade de sódio que prejudica o corpo nessas variedades, que chamamos de queijo de verdade, é muito baixa. O queijo, que contém vitamina A (um forte antioxidante) e produzido com leite de cabra, que é muito pobre em lactose, é muito mais saudável que o leite de vaca e ovelha. Veja abaixo os cinco queijos mais saudáveis para colocar na sua dieta:

 

Mozzarella

O queijo Mozarella ou muçarela, geralmente obtido a partir de leite de vaca e leite de búfalo, é um queijo com alto teor de cálcio devido à sua estrutura úmida e fresca. Além do cálcio, a biotina (vitamina B7), que equilibra o nível de açúcar, contém ainda niacina e vitamina D, E e A, que ajudam a reduzir o colesterol ruim. A combinação de tudo isso permite ao produto fortalecer os ossos, proteger os músculos do coração e aumentar os glóbulos brancos no corpo.

 

Cottage

O queijo cottage, obtido a partir do leite de vaca e com muitas versões diferentes, é um dos queijos com maior valor nutricional. A pesquisa mostra que uma tigela de 200 calorias de queijo cottage tem uma média de 26 a 28 gramas de proteína, e ainda é uma forte fonte de cálcio, selênio e fósforo. Também conhecido como Quark no exterior, esse tipo de queijo também possui versões sem lactose.

Ricota

 

 

Como uma forte fonte de proteína, fósforo, zinco e selênio, a ricota tem uma baixa proporção de sódio e gordura. A característica mais marcante deste queijo, obtido pelo tratamento do soro duplo, é que ele se encaixa perfeitamente nas receitas salgadas e doces, sendo bastante versátil para o dia a dia.

 

Parmesão

 

 

O parmesão, obtido por meto de maturação que dura de um a três anos, está entre os queijos com a mais baixa proporção de lactose. Embora ajude a digerir facilmente, não é recomendado adultos com problemas articulares devido ao seu teor de cálcio.

 

 

Queijo cheddar

 

 

O queijo cheddar, de origem inglesa, é talvez um dos queijos mais populares do mundo,. Feito com leite de vaca, a taxa de lactose é muito baixa nesse tipo de queijo obtido por maturação, assim como o parmesão. Ele também contém vitamina K2, encontrada em vegetais de folhas verdes, como couve e espinafre. Mas cuidado para não comprar a versão super industrial dele!

 

Tags

posts relacionados

posts recomendados